Association Culturelle pour les Etudes Portugaises

Accueil du site > Liste des archives > 2014/2015 > Articles de 2014 > Da janela do meu quarto > Como sempre, venho sentar-me ... (Alice Félix da Silva 4eB)

Como sempre, venho sentar-me ... (Alice Félix da Silva 4eB)

mardi 2 septembre 2014

Como sempre, venho sentar-me numa cadeira, junto à janela do meu quarto, e olhar para a rua. É cedo de manhã. Apenas sete horas de um dia de Outubro como os outros. Tudo está calmo dentro de casa, mas na rua já há movimento. Os habitantes da cidade correm por todos os lados e agitam-se como se fossem formigas.

No horizonte, posso ver a minha escola e o centro comercial onde vou comprar as minhas roupas para o Inverno.

As folhas das árvores começam tornar-se amarelas e cor-de-laranja e a cair no chão. Algumas vão cair no rio em frente de minha casa. Este rio é o que mais me chama a atenção. Há sempre barcos de pescadores que depois vão vender as suas pescarias nos mercados da sexta-feira. Não gosto muito de peixe, mas gosto de ver a azáfama dos pescadores pela manhã.

O rio está iluminado, na água reflectem-se os raios de sol. É uma coisa muito bonita !

Alice Félix da Silva 4eB

Répondre à cet article

ACEP: 47, rue de Naples, 75008 Paris — Tel: 01 43 87 52 91 — Fax: 01 43 87 37 57 | Se déconnecter |